I Pregação Quaresma do Frei Raniero Cantalamessa

"Não vos conformeis com a mentalidade deste mundo” (Rm 12, 2), foi o tema da I reflexão da Quaresma do Frei Raniero Cantalamessa.

Viver a difícil liberdade

Nestes nossos dias muito se fala de liberdade, seja de expressão, de opinião, sexual, afetiva ou financeira.

Sobre os Felizes

Olá, amigos e amigas leitoras, estamos de volta! Partilho com vocês esta Coluna me enviada no WhatsApp por uma amiga.

Namoro: escola de aprendizados felizes, apesar dos desafios

Partilhar a vida a dois é um anseio do coração humano, uma vocação, uma vivência que passa por muitas experiências de aprendizado...

2014-07-18

Dia Internacional de Nelson Mandela - 18 de julho

“Ninguém nasce odiando outra pessoa por causa da cor da pele, origem ou religião dela. As pessoas certamente aprendem a odiar. E se podem aprender a odiar, podem ser ensinadas a amar já que o amor surge de forma mais natural no coração das pessoas. O que realmente conta na vida não é apenas o fato de termos vivido; é a diferença que fizemos nas vidas dos outros que determina importância da nossa própria vida. A educação é a arma mais poderosa que se pode usar para mudar o mundo. Porque ser livre não é somente romper as correntes que aprisionam alguém, mas viver de forma a respeitar e ampliar a liberdade dos outros. A maior glória na vida não é nunca cair, mas se levantar depois de cada queda”.

(Texto de Nelson Mandela – 18 de julho, Dia Internacional dedicado a
este homem, símbolo da luta pelos direitos humanos,
da paz e da reconciliação – Homenagem do Google.)

Dia Internacional de Nelson Mandela - As Nações Unidas determinaram a comemoração do Dia de Nelson Mandela em 2010. A efeméride desta sexta-feira coincide com a data de aniversário do Prêmio Nobel da Paz. O estadista empenhado na luta pelos Direitos Humanos e contra o regime do apartheid na África do Sul. Nelson Mandela nasceu a 18 de julho de 1918. Morreu em dezembro do ano passado (Fonte: RTP Notícias)